Um espaço para curtir sozinho ou como casal. Reservado, preservado. Onde se possa refletir ou apenas recarregar as energias. É possível criar um refúgio de autoconhecimento em casa

Refúgio

Projeto Fabiana Visacro, com uma decoração relaxante, a varanda foi transformada em um espaço de conexão do casal / As profissionais do escritório Ágille Arquitetura especificaram neste projeto uma chaise que abraça e convida para momentos agradáveis de solitude

Ter um espaço em casa para receber os amigos e a família e compartilhar momentos é importante, mas ter um cantinho para curtir sozinho e recarregar as energias também é fundamental. Profissionais de arquitetura e decoração dão dicas para criar esse espaço de introspecção e relaxamento.

“Já no briefing com o cliente me dedico a escuta e um olhar apurado. Gosto de fazer essa entrevista na morada dele para entender como se relaciona com a família e com o ambiente. Conhecendo o cliente de forma mais próxima é mais fácil atender suas necessidades”, explica à psicóloga e designer de interiores Fabiana Visacro.

Independente de como é esse espaço, alguns itens são indispensáveis. “Um bom sofá ou poltrona, além de um tapete e almofadas no chão são interessantes para trazer conforto. Deve-se ainda dar atenção à iluminação para criar um cenário acolhedor”, destacam as profissionais do escritório Ágille Arquitetura, a designer de interiores Flaviane Pereira e a arquiteta Márcia Coimbra.

Em um dos projetos da Fabiana, um ofurô, instalado na varanda, foi criado para ser o cantinho do casal. “Toda sexta-feira à noite, eles jantam fora e voltam para curtir a dois esse momento. Eu fico muito feliz ao saber que cada um está se revigorando intimamente para estar disponível para outro, para ter esse encontro como casal”, conta a psicóloga e designer.

As profissionais da Ágille conseguiram resumir em um único móvel essa descrição de relaxamento, de momento único. Em um projeto, elas especificaram uma poltrona que roubou a cena. “O móvel em cor vibrante revela que dá para abusar da cor sem perder o equilíbrio do ambiente e ainda valorizá-lo. Na poltrona, pode-se descansar refletir, ler um livro… São muitas possibilidades”, contam Flaviane e Márcia.

Contato:
Fabiana Visacro
(31) 983-152-797
https://www.fabianavisacro.com.br

Ágille Arquitetura
(31) 3317-0809
http://agillearquitetura.com.br/